Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Fonte:

Nome Técnico: Elaboração de Relatório Técnico de Apreciação de Risco NR 10 e NR 12

Referência: 49997

Ministramos Cursos e Treinamentos; Realizamos Traduções e Interpretações em Idioma Técnico: Português, Inglês, Espanhol, Mandarim, Alemão, Hindi, Japonês, Árabe e outros consultar

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12
O objetivo da Apreciação de Riscos em conformidade com a NR-10 e NR-12 tem o intuito de adequar o equipamento à essas Normas Regulamentadoras, através da análise riscos e execução de ações para atendimento à Norma;

O que é Apreciação de Riscos?
É a combinação da Análise de Risco (especificação dos limites da máquina, identificação dos perigos e estimativa dos riscos) e a Execução de medidas para atingir os objetivos de redução de risco. Basicamente, é o atestado de conformidade do equipamento com as Normas Regulamentadoras.

  • Avaliação e Apreciação dos Riscos
  • Elaboração do Relatório Técnico
  • Registro de Evidências
  • Conclusão e Proposta de Melhorias
  • Emissão de A.R.T. e/ou C.R.T.
A partir de:
À Vista: R$ Consulte.
ou 10x R$ Consulte.

Compre Aqui Consulte outras localidades
A partir de:
À Vista: R$ Consulte.
ou 10x R$ Consulte.

Compre Aqui Consulte outras localidades
A partir de:
À Vista: R$ Consulte.
ou 10x R$ Consulte.

Compre Aqui Consulte outras localidades
A partir de:
À Vista: R$ Consulte.
ou 10x R$ Consulte.

Compre Aqui Consulte outras localidades
A partir de:
À Vista: R$ Consulte.
ou 10x R$ Consulte.

Compre Aqui Consulte outras localidades

Não perca tempo, solicite uma proposta agora mesmo!

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Descrição da máquina e/ou equipamento;
Verificação do Manual de Instrução Técnica Operacional e de Manutenção;
Limites técnicos da máquina e/ou equipamento;
Processo pelos quais a máquina e/ou equipamento são submetidos;
Referências normativas aplicáveis relativas ao documento;
Apreciação qualitativa de riscos;
Conformidade com a ABNT NBR 12100;
Relação entre risco x severidade x probabilidade de ocorrência;
Categoria de segurança da máquina;
Conformidade à metodologia da ABNT NBR 14153;
Relação entre risco x frequência x possibilidade de evitar o perigo;
Apreciação quantitativa dos riscos;
Metodologia Hazard Rating Number – HRN;
Relação dos dispositivos de segurança contidos na máquina e/ou equipamento;
Avaliação qualitativa;
Avaliação quantitativa;
Tagueamento de Máquinas e Equipamentos;
RETROFIT – Processo de Modernização;
Manutenções pontuais ou cíclicas.

Verificações quando for pertinentes:
Manual de Instrução de Operação da Máquina ou Equipamento;
Plano de Inspeção e Manutenção da Máquina ou Equipamento seguindo a NR 12;
Relatório Técnico com ART da Máquina ou Equipamento conforme NR 12;
Teste de Carga (com ART) conforme NR 12;
END (Ensaios Não Destrutivos) conforme NR 12;
APR (Análise Preliminar de Risco);

Disposições Finais:
Registro fotográfico;
Registro das Evidências;
Conclusão do PLH;
Proposta de melhorias corretivas;
Emissão da A.R.T. (Anotação de Responsabilidade Técnica) e/ou C.R.T. (Certificação de Responsabilidade Técnica).

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

 

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Referências Normativas quando for o caso aos dispositivos aplicáveis e suas atualizações
NR – 10 – Segurança em Instalações e Serviços em Eletricidade;
NR – 12 – Segurança no Trabalho em Máquinas e Equipamentos;
ABNT ISO/TR 14121-2 – Segurança de máquinas — Apreciação de riscos;
ABNT NBR 12100 – Segurança de máquinas — Princípios gerais de projeto — Apreciação e redução de riscos;
Protocolo – Guidelines American Heart Association;
ISO 45001 – Sistemas de gestão de saúde e segurança ocupacional – Requisitos com orientação para uso;
Outras Normas Técnicas Aplicáveis
Nota: Este Serviço atende exclusivamente as exigências da Secretaria Especial de Previdência e Trabalho (SEPRT); quando se tratar de atendimento a outros Órgãos, informe no ato da solicitação.

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Validade das Inspeções: ANUAL exceto se ocorrer quaisquer das seguintes situações:
a) mudança nos procedimentos, finalidades, condições ou operações de trabalho;
b) evento que indique a necessidade de nova Inspeção;
c) mudança de empresa;
d) troca de máquina ou equipamento.
Será emitido Documento Técnico por Profissionais Legalmente Habilitados Perito e Engenheiro de Segurança do Trabalho com ART;

Os Equipamentos utilizados possuem Atestado de Aferição vigente e demais equipamentos são analógicos.

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Cabe a Contratante fornecer quando for o caso:
Fornecer os meios, Projetos arquitetônicos em AutoCad ou PDF;
Projeto Arquitetônico da Empresa que efetuará ou efetuou a instalação e contato com os mesmos.
Lista de todos os equipamentos elétricos e eletrônicos contidos nas áreas com marca, potência modelo, tipo e temperatura;
Se tiver inflamáveis e/ou combustíveis armazenados com mais 200 litros no total torna-se obrigatório fazer o Prontuário da NR-20.
Demais documentos e procedimentos necessários previstos antes ou depois da  Inspeção técnica.

NÃO estão inclusos no Escopo do Serviço:
1. Elaboração de Projeto de Arquitetônico;*
2. Elaboração de Projeto de Instalação;*
3. Elaboração do Memorial de Cálculo*
4. Elaboração de Memorial de Cálculo de Suporte;*
5. Elaboração de Manual de Instrução Técnica Operacional e de Manutenção;*
* (Consultar valor)

O que são Células de Carga?
As células de carga são medidores de deformação ou flexão de um corpo, transformando grandeza física, ou seja, uma força, em um sinal elétrico. Utilizadas na análise experimental de esforços e na medição elétrica da resistência à tensão, essas células são empregadas na maioria das aplicações industriais.

Cabe a Contratante fornecer :
Procedimentos da Inspeção quando for o caso e se envolver Estruturas:

Importante: Serão realizados Teste de Solda e Sistema de Líquido Penetrante no equipamento e nas peças que contenham pontos de solda;
01- Os pontos que contém solda no decorrer da peça (Inclusive quando tiver braço articulado e apoio de cesto acoplado) deverão estar devidamente decapados, sem nenhum tipo de resíduos tais como tintas, vernizes, colas ou qualquer tipo de sujidades ou resíduos de óleo, graxa etc;
02- Passar PINTOFF em todas as bases do Equipamento e peças de apoio, limpar bem e passar pano (não deixar nenhuma sujidade);
03- Se tiver Lanças automáticas ou lança manual, lixar solda da frente;
04- Se Contratado Execução de TESTE DE CARGA cabe a Contratante disponibilizar CÉLULAS DE CARGA ou compartimento para teste de carga (tipo big bag, cintas novas calibradas INMETRO, balança, tarugos de metal calibrado ou sacos de areia pesados equivalente até 125% que o equipamento suporta e fornecer Declaração de Responsabilidade  referente a Capacidade do Equipamento.
Se Contratado ENSAIOS ELÉTRICOS em Cesto acoplado de preferência com Placa de Identificação, o mesmo  deverá estar no nível do solo juntamente com Laudo de Fabricação de aparelhos que tiver para sabermos quantos Volts suporta.

Plano de Inspeção e Manutenção do Equipamento é obrigatório conforme previsto na NR 12.

Entenda a relação entre Preço e Valor:
Executar uma tarefa tão estratégica como precificar um Serviço exige conhecimento sobre o mundo dos negócios.
Dois conceitos fundamentais para entender como precificar são as definições de Preço e Valor.
Valor é um conceito qualitativo, e está ligado ao potencial transformador daquele conteúdo.
Um curso tem mais valor quando ele agrega mais conhecimentos ao público-alvo.
Preço é uma consequência do valor.
Por ser um conceito essencialmente quantitativo, ele é responsável por “traduzir” o valor em um número.
Portanto, quanto maior é o valor agregado ao conteúdo, maior será o preço justo.

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12

Saiba Mais: Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12:

Como diz a norma, é importante lembrar que as máquinas e equipamentos devem atender aos princípios de segurança, principalmente quando em fase de utilização. São consideradas medidas de proteção, a ser adotadas nessa ordem de prioridade: Medidas de proteção coletiva, medidas administrativas ou de organização do trabalho; e medidas de proteção individual (NR 12 item 4).
As medidas preventivas de acidentes apresentadas na NR 12 são:
1) Arranjo físico e instalações;
2) Dispositivos de parada de emergência;
3) Dispositivos de partida, acionamento e parada;
4) Sistemas de Segurança;
5) Meios de acessos permanentes;
6) Instalações e dispositivos elétricos,
7) Transportadores de Materiais;
8) Aspectos ergonômicos;
9) Componentes pressurizados;
10) Manutenção, inspeção, preparação, ajustes e reparos entre outros.
Esta Norma Regulamentadora e seus anexos definem referências técnicas, princípios fundamentais e medidas de proteção para garantir a saúde e a integridade física dos trabalhadores e estabelece requisitos mínimos para a prevenção de acidentes e doenças do trabalho nas fases de projeto e de utilização de máquinas e equipamentos de todos os tipos, e ainda à sua fabricação, importação, comercialização, exposição e cessão a qualquer título, em todas as atividades econômicas, sem prejuízo da observância do disposto nas demais Normas Regulamentadoras – NR aprovadas pela Portaria n.º 3.214, de 8 de junho de 1978, nas normas técnicas oficiais e, na ausência ou omissão destas, nas normas internacionais aplicáveis.
Explanação dos itens:
Inventário de Máquinas: Existem na planta fabril contendo as identificações (nome, fabricante, modelo, ano e cor), dados técnicos (tipo, capacidade, velocidade, ciclos, acionamentos, potencias, voltagem), localização (setor e número) e relação de manutenções.
O objetivo deste documento é ter uma visão geral das maquinas que tem na planta e com isso estudar e entender os perigos da máquina, apontando classificando os riscos e criando uma lista de prioridade e assim definir passo a passo as ações para redução de risco em todas as máquinas.
Planta baixa: É a representação gráfica de uma construção onde cada ambiente é visto de cima, sem o telhado, nela deve-se conter a posição das máquinas na fábrica;
Análise de Risco: Neste documento estarão mapeados os risco existentes na máquina, e com ele dará as ações para redução de risco. A análise de riscos é exigida pela NR 12 e para executá-la é necessário utilizar a Norma Brasileira NBR ISSO 12100:2013 que é a norma sobre Segurança de Máquinas – Princípios gerais de projeto e apreciação e redução de riscos, e também a norma internacional ISSO/TR 14121-2:2012;
Diagnóstico: Neste documento será apontado todos os pontos que estão atendendo ou não a NR 12 e também os itens que não se aplicam, deverá conter no mínimo o item da NR 12 correspondente, uma evidência e o diagnóstico;
Manuais de operação: devem acompanhar as máquinas compradas e deverão estar em língua portuguesa, estes documentos são base para o manuseio da máquina seja pelo operador ou pela equipe de manutenção.
Fonte: ABNT ISO/TR 14121-2 e ABNT NBR 12100

Apreciação de Riscos NR-10 e NR-12: Consulte-nos.

Promoção Relâmpago - Até 70% de desconto!

-70%
Curso Projeto de Linha de Vida

Curso Operador de Jateamento

R$3.383,00
R$1.990,00
-65%
Curso Projeto de Linha de Vida

Curso Projeto de Linha de Vida – Nivel Avançado

R$4.900,05
R$2.970,00
-60%
Curso Projeto Andaime Tubo Roll Multidirecional:

Curso Projeto Andaime Tubo Roll Multidirecional

R$6.384,00
R$3.990,00
-70%
Curso NR 10 Básico

Curso NR 10 Básico

R$833,00
R$490,00