Treinamento NR 10 Basico,

Treinamento NR 10 Básico

Treinamento NR 10 Básico

Nome Técnico: Treinamento Capacitação NR-10 Básico – Segurança em Instalações e Serviços com Eletricidade - 40 Horas

Cód: 969

Treinamento NR 10 Básico
O objetivo do Treinamento NR 10 Básico é abordar os requisitos e condições mínimas objetivando a implementação de medidas de controle e sistemas preventivos, de forma a garantir a segurança e a saúde dos trabalhadores que, direta ou indiretamente, interaja em instalações elétricas e serviços com eletricidade.

Treinamento NR 10 Básico
A NR 10 definiu que só podem exercer atividades com eletricidade os trabalhadores qualificados, ou capacitados e os profissionais habilitados, após o treinamento obrigatório e com anuência formal da empresa.  O anexo II na NR 10 determina que são obrigatórios para todos os profissionais  que  executam trabalhos em eletricidade os seguintes treinamentos:
Curso Básico – Segurança em instalações e serviços com eletricidade, com carga horária de 40 horas, para todos os trabalhadores;
Curso Complementar – Segurança no Sistema Elétrico de Potência (S.E.P.) e em suas proximidades, com carga horária de 40 horas, para os profissionais que exercem atividades no Sistema Elétrico de Potência ou em suas proximidades.

Escolha Seu Plano

100% Presencial

40 Horas - Com Experiência

Nossa Sede ou In Company DDD 11

Outros Locais Consultar

R$ 
Consultar

Por Pessoa/Turma (PagSeguro)

Semipresencial/Reciclagem

32hs EAD / 08hs Presenciais

Nossa Sede ou In Company DDD 11

Outros Locais Consultar

R$ 
Consultar

Por Pessoa/Turma (PagSeguro)

EAD (Ensino a Distância)

40 Horas - Com Experiência

Totalmente Online

Imperdível!

R$ 
Consultar

Por Pessoa/Turma (PagSeguro)

Preços Especiais

para Empresas/Turmas

Consulte

Conteúdo Programático

Treinamento NR 10 Básico

Programação Mínima:
Introdução à segurança com eletricidade;
Riscos em instalações e serviços com eletricidade:
o choque elétrico, mecanismos e efeitos;
arcos elétricos; queimaduras e quedas;
campos eletromagnéticos;
Técnicas de Análise de Risco;
Medidas de Controle do Risco Elétrico;
desenergização;
aterramento funcional (TN / TT / IT); de proteção; temporário;
equipotencialização;
seccionamento automático da alimentação;
dispositivos a corrente de fuga;
extra baixa tensão;
barreiras e invólucros;
bloqueios e impedimentos;
obstáculos e anteparos;
isolamento das partes vivas;
isolação dupla ou reforçada;
colocação fora de alcance;
separação elétrica.
Normas Técnicas Brasileiras – NBR da ABNT: NBR-5410, NBR 14039 e outras;
Regulamentações do MTE:
NRs;
NR-10 (Segurança em Instalações e Serviços com Eletricidade);
qualificação; habilitação; capacitação e autorização;
Equipamentos de proteção coletiva;
Equipamentos de proteção individual;
Rotinas de trabalho – Procedimentos;
instalações desenergizadas;
liberação para serviços;
sinalização;
inspeções de áreas, serviços, ferramental e equipamento;
Documentação de instalações elétricas;
Riscos adicionais:
altura;
ambientes confinados;
áreas classificadas;
umidade;
condições atmosféricas;
Proteção e combate a incêndios;
noções básicas;
medidas preventivas;
métodos de extinção;
prática;
Acidentes de origem elétrica:
causas diretas e indiretas;
discussão de casos;
Primeiros socorros;
noções sobre lesões;
priorização do atendimento;
aplicação de respiração artificial;
massagem cardíaca;
técnicas para remoção e transporte de acidentados;
práticas;
Responsabilidades.

Complementos:
Exercícios práticos;
Percepção dos riscos e fatores que afetam as percepções das pessoas;
Impacto e fatores comportamentais na segurança;
Fator medo;
Consequências da Habituação do risco;
A importância do conhecimento da tarefa;
Entendimentos sobre Ergonomia;
Análise de posto de trabalho;
Riscos ergonômicos;
Avaliação Teórica e Prática;
Certificado de Participação;

Referências Normativas aos dispositivos aplicáveis:
NR 10 – Segurança nas Instalações e Serviços com Eletricidade
ABNT NBR 5410 – Instalações Elétricas de Baixa Tensão
ABNT NBR 5419 – Proteção de Estruturas contra Descargas Elétricas Atmosféricas
ABNT NBR 14039 – Instalações Elétricas de Média Tensão de 1,0 kV a 36,2 kV
ABNT NBR 15749 – Medição de Resistência de Aterramento de Potenciais na Superfície do Solo em Sistemas de Aterramento

Treinamento NR 10 Básico

Atenção:
EAD Ensino a Distância, Presencial e Semipresencial

Base Legal – Norma Técnica 54 Ministério do Trabalho
RESPONSABILIDADES – Como a capacitação em SST é obrigação trabalhista a ser fornecida pelo empregador a seus trabalhadores em razão dos riscos oriundos da atividade explorada, é de inteira responsabilidade do empregador garantir sua efetiva implementação, sujeitando-se às sanções administrativas cabíveis em caso de uma capacitação não efetiva ou ainda pela capacitação de má qualidade que não atenda aos requisitos da legislação. É indispensável observar que, ainda que se opte pela realização de capacitação em SST por meio de EaD ou semipresencial, é salutar que toda capacitação seja adaptada à realidade de cada estabelecimento. É que o trabalhador está sendo capacitado pelo empregador para atuar em determinado espaço, logo, uma capacitação genérica não irá atender às peculiaridades de toda e qualquer atividade econômica. Veja na íntegra Nota Técnica 54 do Ministério do Trabalho MT Clique Aqui

Carga Horária

Treinamento NR 10 Básico

Participantes sem ou com experiência:
Carga horária mínima = 40 horas/aula

Atualização (Reciclagem):
Carga horária mínima = 08 horas/aula

Atualização (Reciclagem):
NR 10 Item 10.8.8.2 Deve ser realizado um treinamento de reciclagem bienal e sempre que ocorrer alguma das situações a seguir:
a) troca de função ou mudança de empresa;

b) retorno de afastamento ao trabalho ou inatividade, por período superior a três meses;
c) modificações significativas nas instalações elétricas ou troca de métodos, processos e organização do trabalho.
Treinamento NR 10 Básico:

Certificado: Será expedido o Certificado para cada participante que atingir o aproveitamento mínimo de 70% (teórico e prático) conforme preconiza as Normas Regulamentadoras.

Causas do Acidente Trabalho:
Falta de cuidados do empregado;
Falta de alerta do empregador;
Mesmo efetuando todos os Treinamentos e Laudos obrigatórios de Segurança e Saúde do Trabalho em caso de acidente de trabalho o empregador estará sujeito a Processos tipo:
1- Inquérito Policial – Polícia Civil;
2- Perícia através Instituto Criminalista;
3- Procedimento de Apuração junto Delegacia Regional do Trabalho;
4- Inquérito Civil Público perante o Ministério Público do trabalho para verificação se os demais trabalhadores não estão correndo perigo;
5- O INSS questionará a causa do acidente que poderia ser evitado e se negar a efetuar o pagamento do benefício ao empregado;
6- Familiares poderão ingressar com Processo na Justiça do Trabalho pleiteando danos Morais, Materiais, Luxação, etc.;
7- Tsunami Processuais obrigando o Empregador a gerar Estratégia de Defesas mesmo estando certo;
8- Apesar da Lei da Delegação Trabalhista não prever que se aplica a culpa em cooper vigilando mas apenas a responsabilidade de entregar o equipamento de treinamento (responsável em vigiar e na tem que realmente vigiar;
9- Não prever que se aplica a culpa em cooper vigilando ao Empregador mas apenas a responsabilidade de entregar o equipamento de treinar vale frisar que o Empregador também fica responsável em vigiar);
10- Quando ocorre um acidente além de destruir todo o “bom humor” das relações entre os empregados ou também o gravíssimo problema de se defender de uma série de procedimento ao mesmo tempo, então vale a pena investir nesta prevenção.
Salientamos que o empregado não pode exercer atividades expostos a riscos que possam comprometer sua segurança e saúde.
Sendo assim podem responder nas esferas criminal e civil, aqueles expõem os trabalhadores a tais riscos.

Treinamento NR 10 Básico

Rescue Cursos

Nossos Cursos são completos e dinâmicos

Reproduzir vídeo

Saiba mais: Treinamento NR 10 Básico:

Dentro da NR 10 temos os Riscos em Instalações e Serviços com Eletricidade que devemos explicar em detalhes para os profissionais desta área.
Há diferentes tipos de Riscos devido aos efeitos da eletricidade no ser humano e no ambiente em que vivemos:
Os principais são:
• Choque Elétrico;
• Arco Elétrico;
• Campos Eletromagnéticos
…Existem dois tipos de choques elétricos, o estático e o dinâmico. Dentro do choque dinâmico, o qual é o mais perigoso, temos duas características importantes:
• Tensão de Toque;
• Tensão de Passo.
…Na tensão de toque o fator agravante é o caminho que a corrente elétrica faz no corpo humano, ou seja, o coração sempre está no meio deste caminho. Com isso aumenta as chances de fibrilação ventricular (ocorre quando as câmaras superiores do coração não se encontram em um ritmo sincronizado, e tremulam ou fibrilam. Isso significa que elas batem muito rápida e de forma irregular). Se acontecer este fenômeno a principal forma de retomar esta sincronia é utilizando um equipamento chamado Desfibrilador (DEA – Desfibrilador Externo Automático).
NBR 5410, NBR 5419 E NBR 15749  Você sabia que estas normas foram lincadas?
Em 26/06/2015 foi liberada a nova revisão norma ABNT NBR 5419-2015 que trata das instalações do sistema de proteção contra descargas atmosférica – SPDA. A aplicabilidade da norma foi de 60 dias e, portanto, a partir de 26/08/2015 todas as empresas deverão atender as suas especificações visando uma padronização e um melhor sistema de proteção contra descargas.
Reciclagem NR 10
A norma passou de 42 páginas na versão 2005 para 304 na versão 2015, onde deverão ser analisadas várias situações e variações de riscos.
Como resumo podemos concluir:
01- A norma saiu de uma análise superficial da estrutura, para uma análise gerencial de riscos e medidas de controle visando o aumento da eficiência do sistema de proteção contra descarga atmosférica. Diante das novas determinações, todas as empresas deverão providenciar:
02- Análise gerencial de risco. Perdas mecânicas, estruturais e vidas, todas interligadas e dependentes em cada classificação estrutural;
03-A composição do solo onde está localizado a empresa através da medição da resistividade do solo;
04-O projeto de sistema de proteção de descarga atmosférica para adequação do sistema de PDA;
05-Manter e controlar todo o histórico de manutenção deste sistema.
06-A medição do sistema de para raios com a referência dos 10 Ohms não existe mais.
07- Deverá ser realizada a medição da resistividade do solo.
08-Não há mais nenhuma norma com o valor de referência para o sistema de aterramento de 10 Ohms. E as medições do sistema de aterramento agora deverão atender a norma NBR 15749/2009-Medição de resistência de aterramento e de potenciais na superfície do solo em sistemas de aterramento.
Norma Regulamentadora NR 10 – Prontuário de Instalações Elétricas
10.2.4 Os estabelecimentos com carga instalada superior a 75 kW devem constituir e manter o Prontuário de Instalações Elétricas, contendo, além do disposto no subitem 10.2.3, no mínimo:
a) conjunto de procedimentos e instruções técnicas e administrativas de segurança e saúde, implantadas e relacionadas a esta NR e descrição das medidas de controle existentes;
b) documentação das inspeções e medições do sistema de proteção contra descargas atmosféricas e aterramentos elétricos;
c) especificação dos equipamentos de proteção coletiva e individual e o ferramental, aplicáveis conforme determina esta NR;
d) documentação comprobatória da qualificação, habilitação, capacitação, autorização dos trabalhadores e dos treinamentos realizados;
e) resultados dos testes de isolação elétrica realizados em equipamentos de proteção individual e coletiva;
f) certificações dos equipamentos e materiais elétricos em áreas classificadas;
Treinamento NR 10:
g) relatório técnico das inspeções atualizadas com recomendações, cronogramas de adequações, contemplando as alíneas de “a” a “f”.
10.2.5 As empresas que operam em instalações ou equipamentos integrantes do sistema elétrico de potência devem constituir prontuário com o conteúdo do item 10.2.4 e acrescentar ao prontuário os documentos a seguir listados:
a) descrição dos procedimentos para emergências;
b) certificações dos equipamentos de proteção coletiva e individual;
10.2.5.1 As empresas que realizam trabalhos em proximidade do Sistema Elétrico de Potência devem constituir prontuário contemplando as alíneas “a”, “c”, “d” e “e”, do item 10.2.4 e alíneas “a” e “b” do item 10.2.5.
10.2.6 O Prontuário de Instalações Elétricas deve ser organizado e mantido atualizado pelo empregador ou pessoa formalmente designada pela empresa, devendo permanecer à disposição dos trabalhadores envolvidos nas instalações e serviços em eletricidade.
10.2.7 Os documentos técnicos previstos no Prontuário de Instalações Elétricas devem ser elaborados por profissional legalmente habilitado.

Treinamento NR 10 Básico: Consulte-nos.

Atualize seu conhecimento!

Os Melhores Cursos e Treinamentos