Elaboração de Implantação da Brigada de Emergência

Projeto de Implantação da Brigada de Emergência

Elaboração de Projeto de Implantação da Brigada de Emergência

Cód: 19263

Projeto de Implantação da Brigada de Emergência

O Objetivo do Projeto de Implantação da Brigada de Emergência consiste em prevenção e redução das consequências de acidentes.
O Projeto é formado por grupo organizado de pessoas treinadas e capacitadas para atuar na brigada de emergência, de incêndio, ou abandono de área.
Visando aplicar conjunto de técnicas teóricas e práticas de intervenção e prevenção de acidentes, inclusive atendimento pré-hospitalar (primeiros socorros) em local estabelecido.
Cabe ao responsável pela brigada de emergência implantar, planejar e monitorar analisando criticamente os procedimentos de atuação.

O que é Projeto Brigada de Emergência? Equipe constituída de formação teórica e prática de primeiros socorros para atividade específica, cujo o responsável deverá identificar possíveis riscos no ambiente de trabalho, elaborando e emitindo relatórios, bem como fiscalizar a conservação dos equipamentos de segurança.

Compete a Brigada de Pronto Atendimento:
Agir de maneira rápida, energética e consciente em situações de emergência;
Ajudar a inspecionar, de forma geral e periódica, os equipamentos de proteção;
Assessorar a direção na elaboração das ações de prevenção e combate a sinistros;
Atuar na evacuação do prédio em caso de sinistro;
Avaliar a gravidade da ocorrência de princípios de incêndio;
Conhecer todas as instalações da edificação;
Elaborar material informativo sobre prevenção e risco de sinistros;
Identificar os aspectos e impactos ambientais durante a ocorrência ou simulação de sinistros;
Inspecionar as rotas de fuga;
Manter a política de Prevenção e Combate ao Incêndio;
Promover exercícios de evacuação e combate ao incêndio;

Os brigadistas serão avaliados duas vezes por ano ou mais, pelo chefe da Brigada e Bombeiro Civil, nos seguintes quesitos:
A Diretoria de Engenharia é responsável pelo apoio administrativo e ao funcionamento da Brigada de Pronto Atendimento;
Comportamental – Participação, liderança, iniciativa, relacionamento e flexibilidade;
Durante o horário de expediente da Câmara/Empresa, o membro da Brigada de Pronto Atendimento deverá usar crachá de brigadista, camisa e/ou braçadeira para facilitar a identificação;

Considerações:
Na hipótese de ausência de Bombeiro Civil, poderá ser contratado um Técnico de Segurança do Trabalho e/ou um Engenheiro de Segurança do Trabalho para chefiar a Brigada de Pronto Atendimento;
O brigadista que não atingir pontuação favorável na avaliação não poderá participar do próximo processo seletivo para esta função e deverá ser substituído a qualquer tempo por outra pessoa apta para a função;

Compete ao Bombeiro Civil:
Atuação no resgate de pessoas em situações de perigo iminente, emergência médica pré-hospitalar, quando da ocorrência de sinistro;
Avaliação dos riscos existentes;
Implementação do plano de combate e abandono com a interrupção de fornecimento de energia elétrica e de gás liquefeito de petróleo;
Inspeção periódica dos equipamentos de proteção e equipamentos de combate ao incêndio;
Intervenção em acidentes elétricos;
Prevenção de acidente por meio de acompanhamento da realização de determinadas atividades de risco, como solda;
Prevenção e combate ao incêndio;

O membro da Brigada de Pronto Atendimento deverá ter como requisitos:
Boa saúde física e mental;
Capacidade para a tomada de decisões;
Consciência de que a atividade se faz de maneira voluntária e motivada para o bom desempenho desta função;
Critério para resolver problemas;
Disposição de colaboração;
Pulso de mando e liderança;
Responsabilidade, iniciativa, formalidade, calma e cordialidade;
Vocação para o serviço e atitudes dinâmicas;

Compete ao chefe da Brigada de Pronto Atendimento:
Cumprir com as determinações do Programa da Atividade Jurídica Sustentável com a finalidade de atender os objetivos e metas ambientais;
Direcionar as atividades da Brigada de Emergência em suas atribuições diárias e durante a ocorrência de sinistros;
Organizar a Brigada de Emergência, com seus membros e funções;
Realizar reuniões periódicas com os membros da Brigada, bem como reuniões gerais;
Requerer à Diretoria a aquisição de equipamentos de proteção individual de combate ao incêndio e demais materiais afins;
Solicitar à Diretoria a realização de curso de formação e treinamento periódico aos membros da Brigada de Pronto Atendimento;
Submeter o Plano de Ações das Operações à Diretoria a qual está subordinada;

Referências Normativas aos dispositivos aplicáveis e suas atualizações:
ABNT NBR 15219 – Plano de Emergência Contra Incêndios;
ABNT NBR 14276 – Brigada de Incêndios – Requisitos;
ABNT NBR 14277 – Instalações e Equipamentos para Treinamento de Combate a Incêndio – Requisitos;
NR 23 – Proteção Contra Incêndios;
NR 07 – Programa de controle médico de saúde ocupacional;
NR 09 – Programa de Prevenção de Riscos Ambientais;
NR 06 – Equipamentos de Proteção Individual – EPI;

Rescue Cursos

Laudos, Perícias Programas, ART's e muito mais!

Reproduzir vídeo

Projeto de Implantação da Brigada de Emergência: Consulte-nos.

Projeto de Implantação da Brigada de Emergência

Atualize seu conhecimento!

Os Melhores Cursos e Treinamentos