Relatório Envidraçamento de Sacadas

Laudo Envidraçamento de Sacadas

Nome Técnico: Relatório Técnico Pericial de Envidraçamento de Sacadas – Com ART

Cód: 22583

O Laudo Envidraçamento de Sacadas tem por objetivo analisar a estabilidade estrutural, inspecionar toda a fachada e sacadas, para garantir a segurança do edifício e fornecer procedimentos corretos para a instalação do Envidraçamento.

A inspeção consiste em verificar os requisitos e métodos de ensaio que asseguram o desempenho dos sistemas de envidraçamento de sacadas em edificações de uso público ou privado.

Escopo do Serviço:

Laudo Envidraçamento de Sacadas

Analise de Estabilidade Estrutural;
Identificação do Envidraçamento:
Dimensões;
Tipo de Vidro;
Modo de Instalação;
Material Predominante;
Analise de possível perda de desempenho;
Planejamento;
Segurança;
Avaliação quantitativa;
Registro fotográfico;
Conclusão do PLH;
Proposta de melhorias corretivas;
Emissão da ART (Anotação de Responsabilidade Técnica).

Referencias Normativas aos dispositivos aplicáveis e suas atualizações:
ABNT NBR 16259 – Sistemas de envidraçamento de sacadas;

ABNT NBR 16280 – Reforma em edificações — Sistema de gestão de reformas;
ABNT NBR 14697 – Vidro laminado;
ABNT NBR 7199 – Vidros na construção civil — Projeto, execução e aplicações;
ABNT NBR 15737 – Perfis de alumínio e suas ligas com acabamento superficial – Colagem de vidros com selante estrutural;
ABNT NBR 6120 – Cargas para o cálculo de estruturas de edificações;
ABNT NBR 9607 – Prova de carga em estruturas de concreto armado e protendido;

Laudo Envidraçamento de Sacadas

Validade das Inspeções: INDETERMINADA exceto se ocorrer quaisquer das seguintes situações:
a) mudança nos procedimentos, materiais, peso estrutural;
b) evento que indique a necessidade de nova Inspeção;
Será emitido Laudo Técnico por Profissionais Legalmente Habilitados Perito e Engenheiro de Segurança do Trabalho com ART;

Causas do Acidente Trabalho:
Falta de cuidados do empregado;
Falta de alerta do empregador;
Mesmo efetuando todos os Treinamentos e Laudos obrigatórios de Segurança e Saúde do Trabalho em caso de acidente de trabalho o empregador estará sujeito a Processos tipo:
1- Inquérito Policial – Polícia Civil;
2- Perícia através Instituto Criminalista;
3- Procedimento de Apuração junto Delegacia Regional do Trabalho;
4- Inquérito Civil Público perante o Ministério Público do trabalho para verificação se os demais trabalhadores não estão correndo perigo;
5- O INSS questionará a causa do acidente que poderia ser evitado e se negar a efetuar o pagamento do benefício ao empregado;
6- Familiares poderão ingressar com Processo na Justiça do Trabalho pleiteando danos Morais, Materiais, Luxação, etc.;
7- Tsunami Processuais obrigando o Empregador a gerar Estratégia de Defesas mesmo estando certo;
8- Apesar da Lei da Delegação Trabalhista não prever que se aplica a culpa em cooper vigilando mas apenas a responsabilidade de entregar o equipamento de treinamento (responsável em vigiar e na tem que realmente vigiar;
9- Não prever que se aplica a culpa em cooper vigilando ao Empregador mas apenas a responsabilidade de entregar o equipamento de treinar vale frisar que o Empregador também fica responsável em vigiar);
10- Quando ocorre um acidente além de destruir todo o “bom humor” das relações entre os empregados ou também o gravíssimo problema de se defender de uma série de procedimento ao mesmo tempo, então vale a pena investir nesta prevenção.
Salientamos que o empregado não pode exercer atividades expostos a riscos que possam comprometer sua segurança e saúde.
Sendo assim podem responder nas esferas criminal e civil, aqueles expõem os trabalhadores a tais riscos.

Rescue Cursos

Laudos, Perícias Programas, ART's e muito mais!

Reproduzir vídeo

Saiba mais: Laudo Envidraçamento de Sacadas:

ABNT NBR 16259 – Sistemas de envidraçamento de sacadas:
Requisitos e métodos de ensaio que asseguram o desempenho dos sistemas de envidraçamento de sacadas, em edificações de uso público ou privado.
ABNT NBR 16280 – Reforma em edificações — Sistema de gestão de reformas:
Requisitos para os sistemas de gestão de controle de processos, projetos, execução e segurança, incluindo meios principalmente para:
a) prevenções de perda de desempenho decorrente das ações de intervenção gerais ou pontuais nos sistemas, elementos ou componentes da edificação;
b) planejamento, projetos e análises técnicas de implicações da reforma na edificação;
c) alteração das características originais da edificação ou de suas funções;
d) descrição das características da execução das obras de reforma;
e) segurança da edificação, do entorno e de seus usuários;
f) registro documental da situação da edificação, antes da reforma, dos procedimentos utilizados e do pós-obra de reforma;
g) supervisão técnica dos processos e das obras.
ABNT NBR 14697 – Vidro laminado;
Requisitos gerais, métodos de ensaio e cuidados necessários para garantir a segurança e a durabilidade do vidro laminado em suas aplicações na construção civil e na indústria moveleira, bem como a metodologia de classificação deste produto como vidro de segurança.
ABNT NBR 7199 – Vidros na construção civil — Projeto, execução e aplicações;
Requisitos para projeto, execução e aplicações de vidros na construção civil.
ABNT NBR 15737 – Perfis de alumínio e suas ligas com acabamento superficial – Colagem de vidros com selante estrutural;
Requisitos para o acabamento superficial dos perfis de alumínio e suas ligas, o vidro, o selante estrutural, a torção dos painéis e o espaçador perimetral utilizados na colagem estrutural de vidro (CEV), assim como o cálculo da junta estrutural e o procedimento para esta colagem.
ABNT NBR 6120 – Cargas para o cálculo de estruturas de edificações;
Condições exigíveis para determinação dos valores das cargas que devem ser consideradas no projeto de estrutura de edificações, qualquer que seja sua classe e destino, salvo os casos previstos em normas especiais.
ABNT NBR 9607 – Prova de carga em estruturas de concreto armado e protendido:
Requisitos mínimos e os procedimentos gerais a serem observados no planejamento e execução de provas de carga em estruturas de concreto armado e protendido.

Instalação do Envidraçamento Sacada
Colagem dos vidros no leito.

O vidro deve ser deitado sobre o cavalete ou mesa.
Limpar as bordas com álcool.
Corte o leito do vidro 2mm maior que a largura do vidro.
Limpar o leito do vidro com álcool.
Corte o bico do selante com o diâmetro de +/- 5mm.
Aplicar um cordão de selante nas duas paredes do leito esquerda e direita.
Introduzir o vidro no leito com a folga de 3mm +/-.
Verificar se o leito que está sendo introduzido no vidro está devidamente no esquadro.
Medir a altura de leito a leito.
OBS: Todos os  vidros tem que estar na mesma medida de leito a leito e no esquadro!
Corte dos trilhos.
Os perfis devem ser cortados todos juntos, a capa deve ser clicada no “U” de regulagem e o trilho superior e inferior deve ser encaixados  no mesmo.
Cuidado para não inverter o lado dos trilhos, pois isso é um erro comum e significa a perda das peças.
Procure posicionar os trilhos com o lado interno da sacada o sempre voltado para o serralheiro, e conferir antes de cortar.
Os perfis devem ser cortados de acordo com o projeto e sempre respeitando a medida do lado externo da sacada.

Saiba mais: Laudo Envidraçamento de Sacadas: Consulte-nos.

Laudo Envidraçamento de Sacadas, O Que É O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Pra Que Serve O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Aonde Fazer O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Como Fazer O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Porque Fazer O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Quando Fazer O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Quanto É O Laudo Envidraçamento de Sacadas, Treinamento Envidraçamento de Sacadas, Certificado Envidraçamento de Sacadas, Apostila Envidraçamento de Sacadas, Objetivo Envidraçamento de Sacadas,

Atualize seu conhecimento!

Os Melhores Cursos e Treinamentos