PPR – Programa de Proteção Respiratória

      Comentários desativados em PPR – Programa de Proteção Respiratória

PPR – Programa de Proteção Respiratória – NR 15 e NR 09

Escopo: Elaboração, execução e administração de Programa de Proteção Respiratória;
Requisitos de um Programa de Proteção Respiratória;
Administração do programa de proteção respiratória;
procedimentos operacionais escritos;
Procedimentos operacionais escritos para o uso rotineiro de respiradores;
Procedimentos operacionais escritos para o uso em situações de emergência e de salvamento;
Seleção, limitações e uso de respiradores;
Fatores que influem na seleção de um respirador;
PPR – Programa de Proteção Respiratória:

PPR - Programa de Proteção Respiratória

PPR – Programa de Proteção Respiratória

Seleção de respiradores para uso rotineiro
Seleção de respiradores para uso em atmosfera IPVS, espaços confinados ou atmosferas com pressão reduzida;
Operações de jateamento;
Outros fatores que afetam a seleção de um respirador;
PPR – Programa de Proteção Respiratória:
Treinamento:
Treinamento para empregados;
Introdução;
Conhecendo os riscos;
Efeitos dos contaminantes à saúde;
Como se proteger dos contaminantes;
Selecionando o respirador adequado;
Como identificar um bom respirador;
Como colocar adequadamente um respirador;
Cuidados com o respirador;
Frequência do treinamento;
Registros;
Ensaios de vedação;
Requisitos de um ensaio de vedação;
Problemas de vedação e soluções alternativas;
Considerações sobre os ensaios de vedação;
Registros dos ensaios de vedação;
Manutenção, inspeção e guarda;
Limpeza e higienização;
Inspeção;
Substituição de partes e reparos;
Guarda;
Ar respirável para as máscaras autônomas e os respiradores de linha de ar comprimido;
Qualidade do ar comprimido;
Riscos de uso de oxigênio;
Ponto de orvalho;
Ar respirável proveniente de compressores;
Ar respirável proveniente de cilindros;
Ponto de orvalho do ar respirável dos respiradores de adução de ar;
Conexão do respirador de adução de ar com a mangueira de suprimento de ar comprimido;
Procedimentos para a realização dos “ensaios de vedação” qualitativos e quantitativos;
Ensaio qualitativo com vapor de acetato Deisoamila (óleo de banana);
Ensaio qualitativo com aerossol  de sacarina;
Ensaio qualitativo com aerossol;
De solução de “Bitrex”;
PPR – Programa de Proteção Respiratória:
Ensaio qualitativo com “fumaça” irritante;
Ensaios de vedação quantitativos;
Ensaios de vedação quantitativos que empregam geração de aerossóis;
Ensaio de vedação quantitativo com aerossóis do ambiente que utiliza o contador de núcleos;de condensação (CNC);
Ensaio de vedação quantitativo pelo método do controle da pressão negativa (CNP);
Avaliação médica de trabalhadores;
Candidatos à utilização de equipamentos de proteção respiratória;
Instrução Normativa nº 1, de 11 de abril de 1994;
Deficiência de oxigênio;
Deficiência de oxigênio IPVS;
Considerações sobre níveis reduzidos de oxigênio;
Classificação e descrição sumária dos equipamentos de proteção respiratória segundo o modo; de operação e considerações sobre o seu uso;
Uso de respiradores em ambientes;
Com baixas temperaturas;
Uso de respiradores em ambientes com altas temperaturas;
Comunicação verbal;
Avaliação do PPR;
Questionário médico para candidatos ao uso de equipamentos de proteção respiratória;
Referências Normativas ao dispositivos aplicáveis: NR 15 , NR 09
PPR – Programa de Proteção Respiratória: Consulte-nos.