Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10

      Nenhum comentário em Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10

Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10

São identificadas conforme previsto na NR-10 as zonas de risco e zonas controladas.
Estas zonas são delimitadas em metros em função das tensões existentes nos pontos energizados. As zonas de risco são restritas a trabalhadores autorizados e com a adoção de técnicas, instrumentos e equipamentos apropriados ao trabalho. Já a zona controlada é restrita a trabalhadores autorizados.

Laudo Delimitação de Risco Elétrico

Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico

A identificação e isolamento se dão através de pintura no piso e colocação de anteparos tipo telas ou barreiras físicas (fixas ou móveis). Para trabalhos nas zonas de risco e controlada é fundamental a aplicação de técnicas de análise de risco. É fornecido um modelo de Análise Preliminar de Riscos, com instruções de preenchimento, que atende a NR-10 e deve ser utilizado nas intervenções elétricas.
A execução da sinalização, bem como os materiais tais como tintas, telas, anteparos são fornecidos pelo cliente.

Validade do Laudo: É recomendável renovação anual ou se ocorrer evento que indique a necessidade de atualização do Laudo.

Saiba mais sobre Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10
SEGURANÇA E SAÚDE NO SETOR DE ENERGIA ELÉTRICA E TELEFONIA
RISCOS
Os riscos à segurança e saúde dos trabalhadores nesses setores são, via de regra, elevados podendo levar a lesões de grande gravidade e são específicos a cada tipo de atividade. Contudo, o maior risco à segurança e saúde dos trabalhadores é o de origem elétrica. Devemos salientar que no ano de 2001 o maior volume de trabalhadores concentrou-se na distribuição de energia elétrica, cujo número de empregados das concessionárias era de aproximadamente 70.000 e suas prestadoras de serviços contavam com aproximadamente 280.000 empregados, totalizando 350.000 trabalhadores. Este trabalho contempla os principais riscos presentes nas atividades desenvolvidas nos setores elétrico e telefônico.
Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10
RISCOS DE ORIGEM ELÉTRICA
A eletricidade constitui-se em agente de elevado potencial de risco ao homem. Mesmo em baixas tensões ela representa perigo à integridade física e saúde do trabalhador. Sua ação mais nociva é a ocorrência do choque elétrico com consequências: diretas, e indiretas (quedas, batidas, queimaduras indiretas e outras). Também apresenta risco devido à possibilidade de ocorrências de curtos-circuitos ou mau funcionamento do sistema elétrico originando grandes incêndios, explosões ou acidentes ampliados.
É importante lembrar que o fato da linha estar desenergizada não elimina o risco elétrico, tampouco pode-se prescindir das medidas de controle coletivas e individuais necessárias, já que a energização acidental pode ocorrer devido a erros de manobra, contato acidental com outros circuitos energizados, tensões induzidas por linhas adjacentes ou que cruzam a rede, descargas atmosféricas mesmo que distantes dos locais de trabalho, fontes de alimentação de terceiros
CHOQUE ELÉTRICO
É o principal causador de acidentes no setor e geralmente originado por contato do trabalhador com partes energizadas. Constitui-se em estímulo rápido e acidental sobre o sistema nervoso devido à passagem de corrente elétrica, acima de determinados valores, pelo corpo humano.
Seus efeitos diretos são contrações musculares, tetania, queimaduras (internas e externas), parada respiratória, parada cardíaca, eletrólise de tecidos, fibrilação cardíaca e óbito (eletroplessão) e seus efeitos indiretos quedas, batidas e queimaduras indiretas (externas). A extensão do dano do choque elétrico depende da magnitude da corrente elétrica, do caminho por ela percorrido no corpo humano e do seu tempo de duração.
O risco de choque elétrico está presente em praticamente todas as atividades executadas nos setores elétrico e telefônico a exemplo de construção, montagem, manutenção, reparo, inspeção, medição de sistema elétrico potência (SEP) e poda de árvores em suas proximidades.
Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10
ARCO VOLTAICO
Constitui-se em outro risco de origem elétrica. O arco voltaico caracteriza-se pelo fluxo de corrente elétrica através de um meio “isolante”, como o ar, e geralmente é produzido quando da conexão e desconexão de dispositivos elétricos e em caso de curto-circuito. Um arco voltaico produz calor que pode exceder a barreira de tolerância da pele e causar queimaduras de segundo ou terceiro grau. O arco elétrico possui energia suficiente para queimar as roupas e provocar incêndios, emitindo vapores de material ionizado e raios ultravioleta.
Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10:
CAMPO ELETROMAGNÉTICO
É gerado quando da passagem da corrente elétrica alternada nos meios condutores. Os efeitos danosos do campo eletromagnético nos trabalhadores manifestam-se especialmente quando da execução de serviços na transmissão e distribuição de energia elétrica, nas quais mpregam-se elevados níveis de tensão. Os efeitos possíveis no organismo humano decorrente da exposição ao campo eletromagnético são de natureza elétrica e magnética. Os efeitos do campo elétrico já foram mencionados acima. Quanto aos de origem magnética citamos os efeitos térmicos, endócrinos e suas possíveis patologias produzidas pela interação das cargas elétricas com o corpo humano.
Não há comprovação científica, porém há indícios de que a radiação eletromagnética criada nas proximidades de meios com elevados níveis de tensão e corrente elétrica, possa provocar a ocorrência de câncer, leucemia e tumor de cérebro. Contudo é certo que essa situação promove nocividade térmica (interior do corpo) e efeitos endócrinos no organismo humano. Especial atenção aos trabalhadores, expostos a essas condições, que possuam em seu corpo próteses metálicas (pinos, encaixes, articulações), pois a radiação promove aquecimento intenso nos elementos metálicos podendo provocar as necroses ósseas, assim como aos trabalhadores portadores de aparelhos e equipamentos eletrônicos (marca-passo, auditivos, dosadores de insulina, etc..), pois a radiação interfere nos circuitos elétricos e poderão criar disfunções e mau funcionamento desses.
Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10
RISCOS DE QUEDA.
Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10

Constitui-se numa das principais causas de acidentes nos setores elétrico e de telefonia, sendo característico de diversos ramos de atividade, mas muito representativo nas atividades de construção e manutenção do setor de transmissão e distribuição de energia elétrica e de construção e manutenção de redes telefônicas. As quedas ocorrem em consequência de choques elétricos, de inadequação de equipamentos de elevação (escadas, 15 cestos, plataformas), inadequação de EPI, falta de treinamento dos trabalhadores, falta de delimitação e sinalização do canteiro do serviço nas vias públicas e ataque de insetos.
(Créditos da Matéria ao Manual Setor Elétrico e Telefonia)
Laudo Delimitação de Áreas de Risco Elétrico NR 10: Consulte-nos.

Deixe uma resposta