Avaliação Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras 

      Comentários desativados em Avaliação Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras 

Avaliação Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras

Estabelecimento à obrigatoriedade da elaboração e implementação pôr parte de todos
os empregados e instituições que admitam trabalhadores, como empregados, do A.T.S.S.I.C.C.E – Avaliação Técnica de Segurança em Sistemas de Içamento por Cabos e Correntes e Esteiras, visando a preservação da saúde e a integridade dos trabalhadores, através da antecipação, reconhecimento, avaliação e consequente controle da ocorrência de proteção dos riscos em máquinas e equipamentos, existentes, ou que venham a existir no ambiente de trabalho, tendo em consideração a proteção do meio ambiente e dos funcionários expostos.
A Avaliação Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras  é parte integrante do conjunto mais amplo das iniciativas da empresa no campo da preservação da saúde e da integridade dos trabalhadores, devendo estar articulado com o disposto nas Normas Regulamentadoras (Portaria n.º. 3.214/78-MTE), em especial com a NR.11 e 12.

Avaliação de Sistemas Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras: É um planejamento estratégico e sequencial das medidas de segurança que devem ser implementadas em prensas e equipamentos similares com o objetivo de garantir proteção adequada à integridade física e à saúde de todos os trabalhadores envolvidos com as diversas formas e etapas de uso de pontes rolantes e/ou dos equipamentos similares.
Avaliação de Sistemas Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras: Deve ser aplicado nos estabelecimentos que possuem pontes rolantes, pórticos, talhas, e/ou equipamentos similares, norteando que nenhum trabalhador deve executar as suas atividades expondo-se às zonas de risco de forma desprotegidas.
As empresas devem elaborar a  Avaliação de Sistemas de Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras:, e mantê-la à disposição dos representantes dos trabalhadores na CIPA, onde houver, e das autoridades competentes.
Toda empresa deve ter um procedimento por escrito, para definir as sequências lógicas e seguras de todas as atividades relacionadas a pontes rolantes e similares.
Devem constar nesta Avaliação de Sistemas de Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras: uma planta baixa e relação com todos os equipamentos, os quais devem ser identificados e descritos individualmente, constando:
a) Tipo:
b) Modelo;
c) Fabricante;
d) Ano de fabricação;
e) Capacidade;

Avaliação de Sistemas Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras:
Nome Técnico: A.T.S.S.I.C.C.E – Avaliação Técnica de Segurança em Sistemas de Içamento por Cabos e Correntes e Esteiras:

Laudo de Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras 

Avaliação Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras

Escopo do Serviço: Avaliação de Sistemas de Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras.
Documentos de composição do Relatório Técnico;
Locais de avaliações;
Controle, Treinamento e Fiscalização;
Característica Construtivas e Edificações;
Considerações Técnicas de Avaliações;
Medidas de Proteção;
Fundamentos legais e Normativos de apoio;
Definições;
Responsabilidades;
Elaboração de Check List cada máquina ou equipamento;
Avaliação de sistemas de içamentos por cabos e correntes;
Requisitos mínimos de sistema de transporte de material por içamento;
Arquivo dos Registros  do PPRPS;
Termo de entrega e recebimento da avaliação;
Anexos Inventário de Máquinas e Equipamentos;
Elementos fotográficos;
Cronograma de Ações;
Emissão da ART (Anotação de Responsabilidade Técnica)
Referência Legislativa.

Fundamentos: Avaliação de Sistemas Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras.
Estrutura do Laudo;
Nível de ação;
Registro de dados;
Fundamentos legais e normativos de apoio;
Considerações;
Política;
Conceitos;
Responsabilidades;
Fundamentos preventivos: personalidade, falha humana, ato inseguro, condição insegura;
Fatores que propiciam o Ato ou Condição Insegura;
Planejamento e desenvolvimento do trabalho correto;
Comitê de Avaliação;
Eliminação das Causas de Riscos / Acidentes;
Fatores Disciplinares;
Educação e Treinamento;
Natureza do Trabalho.

REFERENCIA LEGISLATIVA: Avaliação de Sistemas Içamento por Cabos, Correntes, Esteiras
Relação das Normas Técnicas Brasileiras (NBR) e Normas Regulamentadoras (NR) desta Convenção e Anexo:
NBR NM – 272:2002 – Segurança de máquinas – Proteções – Requisitos gerais para o projeto e
construção de proteções fixas e móveis
NBR NM – 273:2002 – Segurança de máquinas – Dispositivos de intertravamento associados a proteções
– Princípios para projeto e seleção
NBR 13758:1996 – Segurança de máquinas – Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros inferiores
NBR 13760:1996 – Segurança de máquinas – Folgas mínimas para evitar esmagamento de partes do corpo humano
NBR 13761:1996 – Segurança de máquinas – Distâncias de segurança para impedir o acesso a zonas de perigo pelos membros superiores
NR.11 – Transporte, Movimentação de Manuseio de Materiais;
NR 12 – Máquinas e Equipamentos.

Realização do Laudo: É realizado por um Profissional legalmente Habilitado com proficiência, que inspecionara todas as máquinas e equipamentos le então apontara com detalhes quais são os pontos que precisaram de manutenção e proteções etc.

Validade do Laudo: É recomendável renovação anual ou se ocorrer evento que indique a necessidade de atualização do Laudo.

Avaliação Sistemas Içamento Cabos, Correntes, Esteiras  Consulte-nos